Offshore

Petrobras pretende vender ativos do Golfo do México dos EUA

bp-golfo-do-méxico-modernização

A petroleira brasileira Petrobras está tentando sair de sua joint venture no Golfo do México com a Murphy Oil, vendendo sua participação de 20 por cento.

A empresa de joint venture, chamada MP Gulf of Mexico (MPGOM), possui participação em 15 campos no Golfo do México dos Estados Unidos, juntamente com uma participação na plataforma de St. Malo. 

Murphy possui 80% das ações e a Petrobras, por meio de sua subsidiária PAI, 20%.

A empresa opera oito campos e tem participação não operacional em sete.

Alguns dos principais ativos nos quais o MGOM detém participações são os campos offshore de St. Malo, Lucius, Cascade / Chinook e Dalmatian.

A Petrobras disse que os possíveis compradores devem demonstrar interesse em entrar no processo até 25 de outubro. 

As empresas de petróleo e gás interessadas devem ter uma capitalização de mercado de ações ou patrimônio líquido de pelo menos US $ 500 milhões ou uma classificação de crédito público não inferior a Ba3 / BBB-.

Voltar ao Topo