Offshore

Petrobras de olho no próximo FPSO de Búzios

A Petrobras (NYSE: PBR) e a SBM Offshore (OTCMKTS: SBFFF) confirmaram na terça-feira que iniciaram negociações para um contrato de afretamento para o sexto navio flutuante de armazenamento e descarga de produção (FPSO) no campo de Búzios, localizado na Bacia de Santos offshore no Brasil .

Segundo a SBM Offshore, o FPSO Almirante Tamandaré tem capacidade para processar 225 mil barris de petróleo e 12 milhões de metros cúbicos por dia. Observando que monitora regularmente o mercado global de FPSO, a Petrobras destacou que apenas o SBM no momento pode atender às suas necessidades técnicas, operacionais e de disponibilidade.

Previsto para entrar em operação em Búzios no segundo semestre de 2024, o FPSO Almirante Tamandaré será a maior unidade de produção de petróleo fora do Brasil e figurará entre as maiores embarcações do mundo, informou a Petrobras.

Voltar ao Topo