Benefícios

INSS: prazo para análise de benefícios aumenta. Veja o que muda

inss

Mais uma vez, os segurados do INSS têm os prazos para a concessão de benefícios prorrogados. Nessa semana, segundo o Instituto Nacional do Seguro Social, aqueles que estiverem com requerimento em andamento poderão esperar por mais 30 dias para obterem as respostas de suas solicitações. A decisão foi motivada mediante o contexto do novo coronavírus.

As notícias não são tão positivas para quem aguarda nas filas do INSS, diante da quantidade de solicitações beneficiárias em análise o órgão prolongou a carência de suas respostas.

Cada benefício apresenta um prazo específico, mas de modo geral após o fim desse período a previdência terá ainda novos 30 dias de análise.

Queixas de beneficiários do INSS

Diagnosticada com linfoma, Luciana Santos, moradora do Rio de Janeiro, afirma que está aguardando pelo retorno de seu auxílio doença que foi suspenso desde fevereiro de 2020. Ela concedeu entrevista ao portal Extra.

— Nós temos que cumprir prazos, e são sempre curtos. Mas o INSS, não. Tenho um linfoma e estou em tratamento quimioterápico oral por tempo indeterminado. A médica que fez a perícia no ano passado negou a continuidade do auxílio, mas eu continuo me tratando. O medicamento tem efeitos colaterais como gastrite, mal-estar e secura extrema das mucosas. Além disso, baixa a imunidade — afirmou a produtora carioca, que já deu entrada em um novo recurso para tentar receber seu pagamento.

INSS alega défice no número de servidores

Pressionado sobre os prazos e atrasos, o INSS informou que o motivo para tal prorrogação está associado a falta de servidores atuando na análise dos benefícios. Segundo um funcionário que não quis se identificar, não há equipe o suficiente e além disso o sistema apresenta instabilidade.

O INSS reconhece a carência dos funcionários e afirma já ter entrado com um pedido de abertura de concurso público para o preenchimento de dez mil vagas em todo o país. Segundo o órgão, a solicitação já está nas mãos do presidente, Leonardo Rolim, que deve requerer o processo ao Ministério da Economia.

O último levantamento realizado pelo Sindicato dos Trabalhadores da Previdência Social (Sindsprev), afirma que hoje há cerca 20.300 servidores em atividade, havendo uma necessidade de mais 22 mil para completar o quadro de funcionários.

— A estrutura operacional e a política de bonificação foram criadas para que se chegasse a essa caótica situação. Não se perdendo de vista que há anos não tem concurso público e que não há notícia de que em breve terá. Isso tudo acarreta sucateamento do atendimento — adverte o advogado Guilherme Portanova.

Novos prazos do INSS

Para poder calcular o prazo de seus benefícios os brasileiros devem se guiar pela tabela abaixo. E ao fim do período limite acrescentar mais 30 dias conforme a portaria recém publicada.

Tipo de pedido Prazo para conclusão hoje Prazo para conclusão a partir de junho
Benefício assistencial à pessoa com deficiência 45 dias 90 dias
Benefício assistencial ao idoso 45 dias 90 dias
Aposentadorias (menos por invalidez) 45 dias 90 dias
Aposentadoria por invalidez 45 dias 45 dias
Salário-maternidade 45 dias 30 dias
Pensão por morte 45 dias 60 dias

Voltar ao Topo