Offshore

Maersk Supply Service fará o projeto Mero 2 FPSO no Brasil

fpso

A Maersk Supply Service fechou um contrato para fornecer âncoras de ancoragem para a nova construção Mero 2 de produção flutuante de armazenamento e descarregamento (FPSO) na costa do Brasil.

O FPSO Mero 2, com capacidade de processamento de até 180 mil barris de óleo por dia, será implantado no campo de Mero, na costa da Bacia de Santos.

O contrato foi assinado pelo Consórcio Libra, que opera a produção do bloco Libra que contém o campo de petróleo Mero.

O trabalho envolve o pré-lançamento de 24 âncoras torpedo em 2.000 m de profundidade de água no Projeto Mero 2. Cada uma das âncoras de torpedo pesa 120 te 23 m de comprimento.

A Maersk Supply Service realizará todas as atividades de engenharia, aquisição e execução offshore.

O trabalho de engenharia, aquisição, construção e instalação (EPCI) está planejado para ser executado entre 2021 e 2022.

O desenvolvimento do campo de petróleo em águas profundas de Mero envolve vários FPSOs. Faz parte do Contrato de Partilha de Produção de Libra (PSC).

Previsto para ser comissionado em 2023, o FPSO Mero-2 será conectado a até 17 poços.

Voltar ao Topo