Energia

Brasil promove geração de energia solar

Voltalia assinou um contrato de venda de energia de longo prazo com a Copel, uma concessionária brasileira. A nova usina solar de 260 megawatts estará localizada no cluster brasileiro da Voltalia de Serra Branca, no estado do Rio Grande do Norte, a maior instalação eólica e solar do mundo.

“Graças a este contrato a Voltalia chega a 1,9 gigawatts de projetos desenvolvidos com sucesso em nosso cluster Serra Branca. Este novo sucesso destaca a qualidade de nosso cluster eólico e solar, que atrai concessionárias locais, bem como empresas internacionais que desejam obter energia limpa. Com 0,5 gigawatt de potencial adicional em Serra Branca e o desenvolvimento de nosso novo cluster de Canudos de 1 gigawatt, junto com outros sites menores, somos um produtor líder de energia renovável no Brasil. Estou muito orgulhoso das equipas da Voltalia e agradeço o seu empenho, especialmente no contexto actual ”, comenta Sébastien Clerc, Presidente Executivo da Voltalia. Um relatório da Energía Limpia XXI afirma que a Voltalia é líder mundial no setor de energias renováveis. O Grupo produz e vende eletricidade gerada a partir de energia eólica, solar, hidráulica,

A Voltalia tem uma capacidade de geração em operação e em construção de mais de 1,3 GW e um portfólio de projetos em desenvolvimento representando uma capacidade total de 7,8 GW. A Voltalia é também prestadora de serviços e apoia os seus clientes investidores em projectos de energias renováveis ​​em todas as fases, desde a concepção à operação e manutenção.

Pioneira no mercado corporativo, a Voltalia oferece uma oferta global a empresas privadas, que vai desde o fornecimento de eletricidade verde e serviços de eficiência energética à produção local da sua própria eletricidade.

A Voltalia construirá uma usina solar de 260 megawatts (SSM 3 a 6) e fornecerá energia à Copel por meio de um contrato de 14 anos, a partir de 2023. Os projetos SSM 3 a 6 deverão ser comissionados no primeiro semestre de 2022, antes do início dos contratos de venda de energia de longo prazo, com produção antecipada vendida em contrato de curto prazo já firmado com a Copel.

Algumas das obras de construção devem ocorrer ao mesmo tempo que a fazenda solar SSM 1 e 2. Reunindo recursos para

SSM 1 a 6 Voltalia alcançará economias de escala significativas em todos os estágios, com a mesma equipe de O&M atendendo ambas as plantas solares.

Um parceiro sólido, conhecido da Voltalia

A Copel é uma das principais concessionárias do Brasil, atendendo 4,7 milhões de unidades consumidoras em 395 municípios e 1.113 localidades (bairros, vilas e vilas). Parceira de longa data da Voltalia, com participação minoritária no parque eólico SMG da Voltalia (108 megawatts) desde 2015, a Copel foi mais recentemente um dos compradores do contrato de 238 megawatts assinado para os parques solares SSM1 e 21

. A Copel está listada em São Paulo, Nova York e Madrid e seu principal acionista é o Estado do Paraná.

Solar, uma fonte competitiva de energia

Solar agora representa 0,5 gigawatt nas instalações de 2,4 gigawatts da Voltalia em Serra Branca, o maior aglomerado de energia eólica e solar do mundo. As duas fontes de energia são complementares, uma vez que o vento sopra principalmente à noite na Serra Branca.

Voltar ao Topo