Empregos

Wilson Sons vai fazer manutenção em doze rebocadores nos próximos meses

Uma boa notícia para a indústria naval aos 44 minutos do segundo tempo de 2016: o Fundo da Marinha Mercante aprovou prioridade para que a Wilson Sons invista US$ 9,4 milhões na revisão e manutenção de todos os componentes de embarcações. Ao todo, 12 rebocadores passarão por este processo entre 2017 e 2018. A decisão do Conselho Diretor do FMM foi publicada no Diário Oficial. A empresa dará seguimento ao processo de contratação dos recursos junto a um dos agentes financeiros do Fundo.

++ Participe do nosso grupo de trabalho

O trabalho será executado pela Wilson Sons Estaleiros, no Guarujá (SP). O primeiro rebocador a parar para estes serviços será o CNL Rubi, em abril de 2017 e ficara cerca de 20 dias no estaleiro, que receberá uma embarcação por vez, para não causar impacto às operações de apoio portuário.  Depois  do CNL Rubi, também passarão pelo mesmo procedimento os rebocadores “Atlas”, “Hercules”, “Hydrus”, “Marte”, “Pollux”, “Plutão”, “Mercurius”, “Corona”, “Delphinus” e “Telescopium”.

Os serviços de revisão e manutenção ocorre obrigatoriamente a cada cinco anos nas classes de rebocadores na frota da companhia.  É um processo que engloba toda a conservação e reparos de itens submersos – casco, anodos e propulsores – bem como revisões preventivas nos motores principais, sistemas elétricos, tubulações, sistemas de navegação e combate a incêndio.

++ Veja mais vagas de emprego no setor

Voltar ao Topo