Benefícios

Veja quando vai sair o Abono Extra do INSS de R$ 2 mil para aposentados

A crise econômica e sanitária ocasionada pela pandemia do novo corona-vírus afetou milhões de brasileiros financeiramente vulneráveis. E como medida protetiva para beneficiar esses cidadãos prejudicados, os representantes públicos estão criando possíveis soluções para acatar essa parcela da população.

Uma das alternativas criadas é o pagamento de um abono extra aos aposentados do INSS com o valor de 2 mil reais.

Saiba mais sobre as atualizações do Abono extra do INSS no texto de hoje.

O Abono Extra para aposentados e pensionistas do INSS ainda está em trâmite no Senado federal. A ideia legislativa nº 15/2020, proposta por Jefferson Brandão Leone, da Bahia, visa beneficiar cidadãos cadastrados no Benefício de Prestação Continuada (BPC).

A ideia é fazer o pagamento no valor de 2 mil reais como um abono extra para os beneficiários, a maioria do grupo de risco, durante o período de calamidade pública instaurado pela pandemia do novo Corona-vírus (Covid-19), previsto até dezembro.

O documento prevê o pagamento para segurados que recebem até 3 salários mínimos e foi pensado como uma ferramenta no combate à pandemia.

Para acompanhar o trâmite, qualquer cidadão pode acessar o site oficial do Senado Federal, onde é detalhado todos os desdobramentos da movimentação.

A ideia legislativa, que foi transformada em Projeto de Lei pela deputada Sâmia Bomfim, tem por objetivo complementar a renda de cidadãos que tiveram suas rendas afetadas diante da crise. O texto foi apresentado à Câmara dos Deputados pelo partido PSOL, ao qual Sâmia faz parte.

Por conta do adiantamento do 13º salário de aposentados e pensionistas, os segurados ficarão sem benefício em dezembro — exceto se o décimo quarto salário for aprovado.

Como os aposentados e pensionistas, muitas vezes, sustentam-se apenas com o salário mínimo, o não pagamento de benefícios extras pode prejudicar ainda mais suas condições financeiras no meio da pandemia.

Acompanhe a aprovação do projeto no site do Senado federal: https://www25.senado.leg.br/web/atividade/materias/-/materia/143423

Quem pode receber o abono extra

Todo aposentado e pensionista do INSS pode ser beneficiado com a aprovação do projeto de lei. Além deles, quem recebe o Benefício de Prestação Continuada também estão incluídos no texto.

Neste grupo, fazem parte os idosos acima de 65 anos e pessoas com deficiência que não possuem capacidade de manter uma renda fixa para manter a família.

É preciso também corresponder a alguns critérios, como ter a renda inferior a 1/4 de salário mínimo, além do registro no CadÚnico.

Além de beneficiar os cidadãos financeiramente vulneráveis, o texto é defendido como uma alternativa de inserção de dinheiro na economia, já que, com a população com mais dinheiro em mãos tem mais poder de compra e consegue fazer esse dinheiro girar mais.

Lembrando que, recentemente, foi aprovado o pagamento de R$1.045 num programa de parceria do INSS com o Conselho Nacional de Justiça aos beneficiários.

O valor, que começou a ser pago em setembro, “[…] está focando nos benefícios assistenciais e tem trabalhado para fazer a interligação com os sistemas da Justiça.

Voltar ao Topo