Energia

Vale planeja construir projeto solar de 766 MW

A empresa brasileira de mineração de minério de ferro Vale está planejando construir um projeto solar de 766 MWp, chamado Sol do Cerrado, no Brasil, com um investimento de US $ 500 milhões.

A mudança faz parte dos esforços da empresa para fazer a transição para uma mineração neutra em carbono até 2050.

Previsto para estar localizado no município de Jaíba, Minas Gerais, o empreendimento terá 17 subparques. A conclusão está prevista para outubro de 2022.

Em nota, a Vale afirmou: “Inclui também a implantação de subestação elevadora, linha de transmissão e bay de conexão na subestação 230kV Jaíba, com contratos assinados para conexão ao Sistema Interligado Nacional Brasileiro.”

Vale atenderá 13% de sua necessidade de energia no Sol do Cerrado

A empresa espera que o projeto atenda a 13% de suas necessidades de energia em 2025 e reduza o custo anual em US $ 70 milhões.

O projeto está sujeito às condições habituais de fechamento, incluindo a aprovação da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

O novo projeto solar faz parte do orçamento de US $ 2 bilhões da empresa anunciado em maio de 2020 para reduzir 33% de suas emissões diretas e indiretas (escopos 1 e 2) até 2030.

O empreendimento proposto foi anunciado pela empresa durante encontro virtual realizado com investidores. Ela também apresentou sua meta de reduzir as emissões líquidas do escopo 3 em 15% de seu cliente e da cadeia de suprimentos até 2035.

Buscando atingir as metas de emissões dos escopos 1 e 2, a empresa avalia mais de 35 iniciativas por meio da Curva de Custo Marginal de Abatimento para classificar o custo e o potencial dos projetos de redução de emissões.

Além disso, a Vale aprovou o preço interno do carbono para novos investimentos, de US $ 50 por tonelada de CO2 equivalente.

Voltar ao Topo