Notícias

Transpetro doa quase mil toneladas de alimentos em São Paulo para diminuir os impactos do Coronavírus

Petrobras informou nesta quinta-feira (18),que a Transpetro, através  do projeto Acolhimento Social, está beneficiando pessoas em condição de vulnerabilidade que moram no  próximo as faixas de dutos em São Paulo.

A empresa  destinou R$ 5 milhões para compra e entrega de quase 62 mil cestas básicas e kits de higiene em 12 comunidades da grande São Paulo.

Visando diminuir os impactos da pandemia do Coronavírus em comunidades onde a Transpetro já atua, cerca de 20 mil famílias serão beneficiadas durante  três meses  com a entrega de 992 toneladas de alimentos.

Segundo Informações da Petrobras, o projeto começou em maio, com uma ação piloto realizada no bairro Parque Savoy, região leste de São Paulo, quando foram entregues 2.300 cestas.

Atualmente o ciclo do projeto, que acontece entre os dias 9 e 19 de Junho, a companhia beneficiará com 20 mil cestas moradores das cidades de Cubatão, Guarulhos, Itaquaquecetuba, Osasco, Santo André e São Paulo.

“Cada cesta básica possui 16 quilos e é composta por 20 itens, incluindo alimentos e produtos de limpeza, tais como arroz, feijão, macarrão, leite em pó, papel higiênico, detergente líquido, sabonete e cloro”, explicou  a Petrobras

Transpetro teve o apoio de parceiros  como as associações de moradores e postos de saúde, para selecionar as famílias beneficiadas e para definir a logística de entrega nas comunidades.

A entrega das cestas acontece através da distribuição de cartão e senha, pessoais e intransferíveis.

A Transpetro definiu como um dos requisitos para a distribuição das cestas que sejam evitadas aglomerações como é recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde.

Os responsáveis pela distribuição das cesta tem que respeitar o distanciamento necessário e estarem equipados com luvas e máscaras, como também  fazerem o uso de álcool gel, doados pela Transpetro.

Voltar ao Topo