Empregos

Siderúrgica brasileira CSN vai elevar preços do aço em novembro

A siderúrgica brasileira Companhia Siderúrgica Nacional CSNA3.SA aumentará os preços do aço em 10% no Brasil a partir de novembro, já que a empresa vê forte demanda por seus produtos no Brasil, disse um executivo em teleconferência na sexta-feira.

O diretor Luiz Fernando Martinez disse que a CSN também está em negociações com as montadoras para aumentar os preços do aço em pelo menos 30%.

A empresa decidiu reprecificar os produtos para fechar a lacuna com os preços internacionais e também para enfrentar os custos mais elevados com minério de ferro e carvão, acrescentou Martinez.

As ações da CSN subiram 2% nas negociações do início da tarde, um dia após a empresa divulgar seus resultados do terceiro trimestre. Seu lucro líquido foi de 1,26 bilhão de reais (US $ 223,91 milhões), revertendo um prejuízo de 870 milhões de reais um ano antes, conforme as vendas aumentaram.

O CEO Benjamin Steinbruch disse que a CSN está cogitando algumas aquisições e investimentos nos setores de gás e cimento, já que a empresa reduz sua dívida ao ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) para 2,5 vezes até 2021.

Voltar ao Topo