Tecnologia

Senado vai avaliar impactos 5G no Brasil

5g

Após anos de atrasos, o Comitê de Ciência e Tecnologia do Senado brasileiro aprovou um pedido autorizando os senadores a avaliar os impactos das conexões 5G no Brasil.

O senador da oposição Jean Paul Prates afirma que o Tribunal de Contas da União não teve tempo suficiente para analisar o edital do governo para a licitação do leilão 5G. O documento foi dado luz verde em agosto e aguarda a autorização da fiscalização de telecomunicações da Anatel para seguir adiante. O ministro das Comunicações, Fábio Faria, espera que o leilão aconteça em outubro .

O Brasil começou a discutir o leilão de redes móveis de quinta geração em 2018, no governo Michel Temer – mas o processo foi prejudicado por atrasos.

Conforme declarado pelo Comitê Republicano do Senado dos Estados Unidos, “o país que lidera o mundo na adoção da tecnologia 5G terá uma vantagem tecnológica, econômica e de segurança nacional distinta sobre outros países”.

Voltar ao Topo