Offshore

Seadrillz chama Fuelsave para descarbonizar a perfuração offshore

offshore Fuelsave

A Fuelsave implantará sua tecnologia de condicionamento de combustão no navio sonda SeadrillWest Saturn.

Diz-se que o FS MARINE + otimiza a combustão por meio da injeção de hidrogênio, oxigênio, água e metanol. Ao tornar a combustão mais eficiente, o sistema reduz o consumo de combustível e as emissões, como dióxido de carbono (CO 2 ), óxido de nitrogênio (NOx) e carbono negro. Espera-se que as emissões de CO 2 sejam reduzidas em 10-15% e NOx em 30-80%.

Três unidades FS MARINE + serão implantadas no navio sonda. Haverá uma em cada casa de máquinas, com cada unidade conectada a dois motores. Isto suportará seis motores HIMSEN 16H32 / 40V com 8.000 kW cada. Cada um será configurado especialmente para o perfil de carga operacional da embarcação, em linha com a configuração DP-3.

O CEO da Fuelsave, Marc Sima, disse: “O condicionamento de combustão avançado tem um potencial notável para descarbonizar ativamente a indústria offshore, reduzindo as emissões na fonte de maneira segura e eficiente. Nossa solução tem uma proposta de valor única para o mercado de retrofit, pois o setor offshore entende a importância de descarbonizar suas atividades…

“O impacto do FS MARINE + é imediato e significativo, com redução das emissões de carbono negro em até 33% e de material particulado em até 40%, além da redução de outras emissões de gases de efeito estufa, como as emissões de óxido de nitrogênio. Como ele realmente limpa a combustão, o condicionamento avançado da combustão leva a reduções reais de emissões, além da mera economia de combustível primário. Além disso, o sistema é fácil de readaptar e se paga por meio de sua economia de opex de economia de combustível, bem como uma redução no óleo lubrificante e custos relacionados à manutenção. ”

O COO da Seadrill Leif Nelson disse: “Esta tecnologia inovadora terá um impacto imediato em nossas emissões e reduzirá significativamente o impacto ambiental de nossas operações. Em um momento em que todo o setor deve caminhar em direção à sustentabilidade, esta solução será fundamental para apoiar nossas ambições de descarbonização. ”

O West Saturn é um navio de perfuração em águas ultraprofundas de 6ª geração adaptado para profundidades de água de até 3.600 m (11.811 pés). Possui uma torre dupla e controle de perfuração automatizado. O navio-sonda será implantado no campo de Bacalhau, operado pela Equinor, na costa do Brasil.

Voltar ao Topo