Offshore

SBM Offshore garante empréstimo-ponte de $ 635 milhões para o maior FPSO do Brasil

A especialista em flutuação holandesa SBM Offshore garantiu um empréstimo-ponte de US $ 635 milhões para o financiamento da construção do navio Almirante Tamandaré de produção flutuante de armazenamento e descarregamento (FPSO) destinado ao campo de Petrobras em Búzios na Bacia de Santos.

A linha de crédito foi garantida por uma empresa de propósito específico que será proprietária do FPSO e para a qual a SBM Offshore está atualmente em negociações para alienar 45% da participação acionária.

O empréstimo será totalmente sacado nos próximos dias para financiar a construção do FPSO em andamento. O prazo do empréstimo-ponte é de doze meses, com opção de prorrogação por mais seis meses. Espera-se que o reembolso ocorra após o fechamento e a primeira retirada do empréstimo do projeto.

A SBM Offshore fechou contrato com a brasileira Petrobras para locação e operação do FPSO Almirante Tamandaré em julho. O início do contrato está previsto para o segundo semestre de 2024 e é por um período de 26,25 anos. O FPSO será a maior unidade produtora de petróleo em operação offshore no Brasil, com capacidade de processamento diário de 225.000 barris de óleo e 12 milhões de metros cúbicos de gás.

No início deste mês , a SBM Offshore concluiu o project finance do FPSO Sepetiba  por um total de US $ 1,6 bilhão, o maior project finance da história da empresa.

Voltar ao Topo