Empregos

Refinaria da Petrobras em Fortaleza aumenta carga processada

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) autorizou o aumento da carga processada na Unidade de Destilação à Vácuo (Uvac) da Refinaria Lubrificantes e Derivados do Nordeste (Lubnor), em Fortaleza.

O aumento de carga é importante para a rentabilidade da Petrobras, pois representa um crescimento no faturamento da refinaria da ordem de US$ 1,4 milhão/mês, um incremento do lucro operacional da unidade em US$ 500 mil/mês, além de reduzir o custo operacional da Lubnor em US$ 2,75/barril.

Crescimento da produção

Com a mudança, a refinaria passa a processar 1.650 m³ de petróleo por dia, contra 1.500 m³/dia processados anteriormente. A nova carga vai suprir o mercado de asfalto, que está aquecido neste ano, com demanda maior que a produção da Lubnor.

De fevereiro a agosto de 2016, após estudos técnicos de processo e a autorização da ANP, foram realizados testes de carga máxima na unidade de processamento. Verificou-se que a unidade poderia operar com carga de 1.650 m³/dia, respeitando os requisitos de segurança, meio ambiente e qualidade dos produtos.

Foi solicitada então a autorização definitiva da ANP para a nova carga, baseada em análise de mercado, na documentação técnica gerada pelos testes e na licença de operação emitida pela Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace).

Fonte: Portal Brasil, com informações da Petrobras

Voltar ao Topo