Receitas

Receita deliciosa para o dia das mães: Arroz à Grega

arroz

O que é Arroz a Grega? É realmente grego?

Apesar do nome, Arroz á Grega – que se traduz em arroz grego – não é realmente grego.

É um prato popular do lado brasileiro, composto por arroz, legumes finamente picados, ervilhas e passas. Muitas vezes é servido durante os feriados.

Quanto às suas origens e à razão por trás do nome, teremos que nos ater à nossa imaginação, como ninguém sabe! Acredite, passei algum tempo pesquisando.

Poderia ser algo tão simples (e completamente não relacionado com a Grécia) como ser um prato criado por alguém que apelido era “Grega”. Ou talvez uma variação brasileiraizada de um verdadeiro pilaf de arroz grego, que geralmente consiste em arroz, limão e ervas.

Mas, como dizem, não importa de onde vem, mas para onde está indo. E, espero, a resposta para isso é: sua barriga!

An individual serving of Arroz a Grega.

Ingredientes

Aqui está o que você precisa fazer Arroz à Grega:

ARROZ – Branco

CEBOLA E ALHO – Imperdível ao cozinhar!

LEGUMES – Eu uso cenouras e pimentões. No entanto, este prato é ótimo para usar o que está sentado em sua geladeira, por isso sinta-se livre para ficar criativo.

ERVILHAS – Gosto da conveniência de usar congelados. Não há necessidade de descongelar também! Basta adicioná-los congelados e eles descongelam super rápido!

PASSAS – Autêntico Arroz a Grega sempre tem passas, mas – se você não é um amante – não há polícia da AAG vindo atrás de você se você omiti-los!

ÓLEO – Recomendo um óleo de sabor neutro, como óleo vegetal ou canola, para não dominar os outros sabores do prato.

MANTEIGA – Enquanto eu não adiciono manteiga ao meu arroz , eu acho que é uma grande adição aqui, pois dá mais sabores aos legumes!

SAL E PIMENTA – Seja generoso com o tempero! Ninguém gosta de arroz sem graça. Além disso, você deve temperar antes de cozinhar, pois os grãos vão pegar o sabor da água.

FOLHA DA BAÍA – Isso é opcional, mas eu sempre gosto de adicionar uma folha de louro quando eu cozinho arroz!

ERVAS FRESCAS – Salsa fresca bem picada e cebola verde. Ou, como nós  chamamos, “cheiro verde”!

A close up shot of the rice pilaf and a serving spoon.

Como fazer arroz a Grega

Este pilaf de arroz é muito fácil de fazer! É preciso um pouco mais de trabalho de preparação e refogado do que arroz brasileiro normal,mas vale a pena.

Se você estiver amarrado por tempo, você pode usar um saco de vegetais congelados ou um recipiente de mirepoix comprado na loja, o que lhe poupará tempo de preparação.

Quanto à melhor panela para cozinhar arroz, sou um grande fã de usar meu Forno Holandês, pois é muito bom em aquecimento uniforme e foca muito bem na umidade.

Essa não é a panela que é usada no Brasil, principalmente porque fornos holandeses não são populares lá embaixo! Então, se você não tem um, você vai ficar bem usando qualquer pote grande, como um pote de estoque.

Ferramentas e equipamentos recomendados: Um coador de malha fino ou uma tigela de lavagem de arroz,e um forno.

A collage of step by step instruction photos.

É assim que faço Arroz à Grega!

PASSO 1: ENXÁGÜE O ARROZ.

  • Coloque o arroz em um coador e enxágue bem, até que a água se esclaregue. Queremos nos livrar de todo o amido extra para que os grãos de arroz não se a grudem e fiquem separados.

PASSO 2: REFOGUE OS LEGUMES.

  • Refogue a cebola, a cenoura, o pimentão e o alho no óleo e na manteiga.  Eu gosto de cozinhar até que os vegetais sejam suavizados, mesmo que eles vão cozinhar e suavizar ainda mais com o arroz, para que eles possam desenvolver mais sabor.
  • Misture as ervilhas e passas, misturando para combinar.

PASSO 3: COZINHE O PILAF DE ARROZ.

  • Adicione o arroz enxaguado e tempere generosamente com sal e pimenta. Deixe o arroz refogar com os legumes por alguns minutos, para que ele possa ser revestido com o óleo.  Esse é outro passo para garantir que não seja pegajoso depois de cozinhar.
  • Despeje a água quente (não precisa estar fervendo, apenas a água quente da pia está bem) e adicione uma folha de louro se usar.  Eu gosto de provar a água para ver se é salgada o suficiente e ajustar se necessário.
  • Cubra e cozinhe por 15 minutos, em fogo baixo, até que toda a água tenha evaporado.
  • Desligue o fogo, quebre a tampa e deixe o arroz descansar por mais 15 minutos. Isso vai cuidar de qualquer umidade extra.
  • Fluff com um garfo, em seguida, adicione as ervas e sirva!

Ingredientes

  •  2 xícaras Arroz branco
  •  1 colher de sopa de óleo vegetal
  •  2 colheres de sopa de manteiga sem sal
  •  1 cebola pequena, picada
  •  1 cenoura grande, descascada e finamente picada
  •  1 pimentão vermelho, semeado e finamente picado
  •  1 pimentão amarelo ou laranja, semeado e finamente picado
  •  3 dentes de alho, picados
  •  1 xícara de ervilhas, congeladas ou frescas
  •  1/2 xícara de passas douradas
  •  Sal e pimenta moída na hora, a gosto
  •  3 xícaras de água quente
  •  Opcional: 1 folha de louro
  •  1/3 xícara de salsa picada
  •  2 cebolas verdes, picadas

Instruções

  1. Coloque o arroz em uma peneira de malha fina e enxágue até que a água se esclaregue. Reserve para secar.
  2. Em uma panela grande, em fogo médio, aqueça o óleo e a manteiga. Depois que a manteiga derreter, adicione a cebola e refogue por alguns minutos, até transluzir. Em seguida, adicione a cenoura e pimentões, e continue refogado até que comecem a amolecer, cerca de 2-3 minutos. Misture o alho e cozinhe por um minuto, até ficar perfumado.
  3. Adicione as ervilhas e passas e misture para combinar.
  4. Misture o arroz e refogue por alguns minutos. Tempere com sal e pimenta.
  5. Despeje a água quente e dê uma boa mexida. Prove a água para verificar o tempero e ajustar conforme necessário. Adicione a folha de louro, se estiver usando, e deixe ferver.
  6. Uma vez fervendo, abaixe o fogo para ferver, cubra e cozinhe por 15 minutos.
  7. Desligue o fogo e abra a tampa. Deixe-o sentado, intocado, por mais 15 minutos. Em seguida, fluff com um garfo e mexa nas ervas picadas.
  8. Transfira para um bom prato e sirva!

REAQUECIMENTO:

– Para reaquecer porções individuais, use o micro-ondas.

– Para reaquecer uma porção maior, gosto de usar uma caldeira dupla. Se você não tiver uma caldeira dupla, coloque uma panela cheia de água para ferver e, em seguida, coloque uma tigela grande (maior que a panela) com o pilaf de arroz sobre ela. Deixe aquecer, mexendo o arroz de vez em quando, até ficar quente!

SOBRAS:

Mantenha as sobras armazenadas em um recipiente hermético na geladeira por até 4-5 dias.

CONGELAÇÃO:

Você pode congelar Arroz à Grega por até 3 meses!

Voltar ao Topo