Política

Petrobras nomeia novo CEO em meio a disputa de preços de combustível com Bolsonaro

O conselho da estatal brasileira de petróleo Petrobras nomeou nesta quinta-feira José Mauro Coelho como seu terceiro CEO em pouco mais de um ano depois que o presidente Jair Bolsonaro demitiu seus antecessores em um impasse sobre os preços dos combustíveis.

Coelho foi nomeado para um mandato de um ano, anunciou a Petrobras em comunicado.

Ele foi a escolha do governo para suceder Joaquim Silva e Luna, deposto por Bolsonaro no mês passado, após pouco mais de um ano no cargo.

O presidente de extrema-direita disse que o preço da gasolina – fixado pela Petrobras, mas vinculado ao movimento do mercado internacional – era “inacessível” e representava um “crime” contra os brasileiros.

O antecessor de Silva e Luna, Roberto Castello Branco, foi demitido por Bolsonaro em fevereiro de 2021 por motivos semelhantes.

Bolsonaro, que busca a reeleição em outubro, é amplamente responsabilizado pelos eleitores pela inflação de dois dígitos, mostram pesquisas, devido à disparada dos preços globais e locais dos combustíveis.

Os preços dos combustíveis no Brasil aumentaram quase 28% no ano até março, mesmo com a economia se recuperando das consequências da pandemia de coronavírus.

A guerra da Rússia na Ucrânia levou a um forte aumento nos preços do petróleo nas últimas semanas, aumentando a pressão.

A escolha inicial de Bolsonaro para CEO da Petrobras, o economista Adriano Pires, retirou seu nome da disputa na semana passada devido a um possível conflito de interesses sobre seu outro papel como chefe de uma consultoria de energia.

Outro indicado de Bolsonaro, Rodolfo Landim, retirou-se para concentrar suas atenções no clube de futebol Flamengo, do qual é presidente.

Vários outros possíveis candidatos haviam recusado o cargo, segundo a imprensa brasileira.

O governo então escolheu Coelho, que foi secretário do governo de petróleo, gás natural e biocombustíveis em 2020 e 2021.

Graduado em química industrial, ele entra no trabalho com 25 anos de experiência no setor de energia.

Ele atua desde 2020 como presidente do conselho da empresa de petróleo e gás PPSA ligada ao ministério de minas e energia.

O anúncio foi recebido com uma ligeira queda de 0,13 por cento nas ações da Petrobras na bolsa de valores de São Paulo, após fecharem em alta na quarta-feira.

Voltar ao Topo