Petróleo

Petrobras informa que Transpetro terá plano de desligamento para 557 empregados

Transpetro

SÃO PAULO (Reuters) – A Petrobras informou que sua subsidiária integral Transpetro aprovou a criação de um Programa de Desligamento Voluntário (PDV) que prevê atingir cerca de 557 empregados entre setembro de 2020 e julho de 2021.

“O programa tem uma estimativa de retorno (custo evitado de pessoal menos o desembolso com indenizações) de 552 milhões de reais até 2025 e visa promover a adequação do efetivo marítimo às ações de gestão ativa da frota”, disse a estatal, em comunicado nesta segunda-feira.

Sobre a Transpetro

A Transpetro é  uma empresa brasileira de atuação global que opera de forma integrada cerca de 14 mil quilômetros de oleodutos e gasodutos, 47 terminais estrategicamente localizados e mais de 50 navios. Ela armazena e transporta petróleo e seus derivados, etanol, gás e biocombustíveis, incluindo as atividades de importação e exportação.

A empresa interliga as diversas regiões produtoras de petróleo, refinarias, terminais e bases de distribuição e prestamos serviço de transporte e logística a diversas distribuidoras e à indústria petroquímica.

Voltar ao Topo