Notícias

Petrobras fecha acordo para vender refinaria de Lubnor por US$ 34 milhões

A Petrobras anunciou nesta quarta-feira que assinou um acordo com a Grepar Participações para a venda da refinaria de petróleo do Nordeste Lubrificantes e Derivados de Petróleo (Lubnor) e ativos logísticos associados.

O valor total da venda é de 34 milhões de dólares, dos quais 3,4 milhões já pagos, 9,6 milhões a serem pagos no fechamento da transação e 21 milhões em pagamentos diferidos.

Localizada no Ceará, a Lubnor tem capacidade de processamento autorizada de 10.400 barris por dia. É uma das líderes nacionais na produção de asfalto e a única unidade de refino do país a produzir lubrificantes naftênicos.

Em nota, a Petrobras destacou que a refinaria é o quarto ativo a ter contrato de compra e venda firmado no âmbito do compromisso firmado pela estatal com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) em 2019 para abrir o refino mercado no Brasil. 

Breve história

Inaugurada em 1966, ela ocupa uma área total de 218 mil metros quadrados. Produz 235 mil toneladas/ano de asfaltos e 73 mil metros cúbicos por ano de lubrificantes naftênicos. Além de produtora, é também distribuidora de asfalto para nove estados das regiões Norte e Nordeste.

Todo o petróleo utilizado pela Lubnor é do tipo ultra pesado: 85% provenientes do Espírito Santo e o restante, 15%, do Ceará. Do total processado, 62% do volume é destinado à produção de asfalto, abastecendo todos os estados do Nordeste, e cerca de 16% são empregados na obtenção de lubrificantes naftênicos.

Características técnicas

– Área Total: 0,4 km²
– Unidade de Lubrificantes – ULUB
– Unidade de Processamento de Gás Natural – UPGN
– Unidade de Vácuo – UVAC

Capacidade instalada

A capacidade instalada é de 8 mil barris por dia

Principais produtos

  • Asfaltos
  • Óleos Lubrificantes

Mercados que atende

É a principal fornecedora da região Nordeste e também fornece para os estados do Amazonas, Amapá, Pará e Tocantins.

Voltar ao Topo