Construção

Parada da UTE Pecém vai gerar 690 empregos temporários

Uma intervenção planejada está sendo realizada pela EDP UTE Pecém, usina que gera o equivalente a 45% da energia elétrica consumida em todo o Ceará. A parada de manutenção da unidade geradora 02 ocorre até o dia 15 de fevereiro.

A ação teve investimentos de R$ 16,8 milhões, sendo R$ 10 milhões para compra de materiais e equipamentos e os outros R$ 6,8 milhões para pagamento de mão de obra. A iniciativa gera cerca de 690 empregos em 21 empresas fornecedoras, em áreas que vão desde limpeza industrial até serviços especializados de manutenção.

Durante o período de parada, a Usina suspende a geração e o fornecimento de energia para o Sistema Interligado Nacional (SIN) após um planejamento prévio, mediante autorização do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), de modo a evitar prejuízos ao consumidor.

De acordo com James Cambuhy, responsável por manutenção da planta, as manutenções são realizadas todos os anos para prevenir desgastes de materiais, realizar correções e aumentar a eficiência da unidade. “Essa manutenção na unidade geradora 2 deve aumentar ainda mais a confiabilidade para fornecermos energia segura para a população”, explica.

Voltar ao Topo