Benefícios

O que siginifica tabela validade fechada no Bolsa Família 2020?

Tabela validade fechada Bolsa Família – Com os contratempos em razão da crise na saúde e na economia desencadeadas pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19), vários setores tiveram que se adequar ao momento, com o objetivo de melhor atender às pessoas e aos seus respectivos beneficiários.

Dessa maneira, o programa Bolsa Família também deve passar por mudanças significativas durante os próximos meses.

Tabela validade fechada Bolsa Família: confira datas de saque para 2020
Tabela validade fechada Bolsa Família: confira datas de saque para 2020

Saiba do que trata a tabela validade fechada Bolsa Família

A tabela validade do Bolsa Família trata das datas dos saques do benefício e suas respectivas validades.

Desse modo, com o pagamento do auxílio emergencial de 600 reais, os beneficiários do programa serão contemplados com três parcelas maiores do que costumam receber, pois a grande maioria recebe algo em torno de 200 reais mensais.

No entanto, se o valor do Bolsa for maior que o do auxílio, o beneficiário recebe a ajuda de maior valor.

Contudo, ainda que exista a alteração dos valores, o calendário de pagamento do programa é o mesmo.

Portanto, quem recebe o Bolsa, vai ter o valor do auxílio emergencial no calendário regular; confira as datas:

Tabela validade fechada Bolsa Família: confira datas de saque para 2020
Tabela validade fechada Bolsa Família: confira datas de saque para 2020

O saque do Bolsa Família pode ser feito em até 90 dias; entenda melhor.

O que acontece se o valor do benefício não for sacado em até 90 dias

O sistema do Bolsa Família permite que as parcelas relativas a cada mês tenham até 90 dias para que seus valores sejam retirados. Caso o saque não seja feito durante esse período, a família perde a parcela.

No entanto as consequências podem ser ainda piores. Se mesmo com este prazo de 90 dias a família contemplada pelo programa não efetuar os saques regularmente, o benefício pode ser cancelado.

Isso ocorre devido ao entendimento do Ministério da Cidadania em considerar que, se a família não usufrui do valor repassado, é porque ela não mais precisa daquela quantia para garantir sua subsistência.

Portanto, para não correr nenhum risco de bloqueio ou cancelamento do Bolsa, é de suma importância que a data de pagamento seja respeitada e que haja movimentação de conta.

Atualmente o Bolsa Família atende cerca de 14 milhões de famílias brasileiras, e durante os próximos meses terá o aumento da parcela. ( Diário Prime)

Voltar ao Topo