Energia

Novo esquema visa tornar cidades brasileiras mais eficientes em energia

Uma nova iniciativa destinada a desbloquear financiamento privado para projetos de eficiência energética urbana no Brasil foi lançada.

No âmbito do projeto, o Banco Mundial fará parceria com a Caixa Econômica Federal (CEF), o segundo maior banco estatal da América Latina, como intermediário financeiro dos fundos climáticos.

Ele disse que o novo instrumento financeiro ajudará a reduzir o risco de crédito e criar novos mercados nas áreas de iluminação pública eficiente e eficiência energética industrial.

Espera-se que o projeto apoie o objetivo do país de melhorar a eficiência energética no setor elétrico em 10% até 2030.

Martin Raiser, diretor do Banco Mundial para o Brasil, disse: “O projeto FinBRAZEEC oferece uma das primeiras estruturas genuínas de financiamento de projetos no mercado brasileiro.

“Seu modelo inovador de financiamento nos ajudará a destravar o potencial de investimento nos setores de iluminação de infravermelhos e eficiência energética industrial, que antes eram identificados como particularmente promissores para soluções baseadas no mercado.”

Voltar ao Topo