Naval

Movimentação de contêineres sobe na Santos Brasil

Porto de Santos

A Santos Brasil movimentou 321.448 contêineres no terceiro trimestre de 2021, o maior volume movimentado no período desde 2012.

O volume é 26,4pc maior que o registrado no mesmo trimestre de 2020, quando a empresa movimentou 254.211 contêineres.

O desempenho foi impulsionado pela retomada na atividade industrial e pelo consumo aquecido de mercadorias no Brasil e no mundo, além da resiliência das exportações brasileiras, que aumentaram em 14pc no terceiro trimestre. Destaque também para o maior volume de importação de contêineres, que aumentou em 45pc na comparação anual. Além disso, a movimentação consolidada de contêineres cheios foi de 78,4pc no trimestre, ante 72,9pc no mesmo trimestre de 2020, contribuindo também para melhores resultados nas operações.

Normalmente, o terceiro trimestre é um período mais sazonal. Porém, problemas logísticos no transporte global e na oferta de cargas conteinerizadas resultaram em uma alta demanda na maioria dos mercados globais, causando choques na oferta de navios e contêineres utilizados na movimentação de cargas. Isto reduziu o volume potencial para o terceiro trimestre de 2021, disse a Santos Brasil.

O forte aumento do frete marítimo em rotas premium, como para a China, Estados Unidos e Europa, fez com que os navios fossem redirecionados para esses mercados em detrimento de rotas secundárias, como a América do Sul. Isso também reduziu o potencial de movimentação para o período.

A Santos Brasil opera três terminais de contêineres: Tecon Santos, no porto de Santos; Tecon Imbituba, no porto de Imbituba, no estado de Santa Catarina; e Tecon Vila do Conde, no porto de Barcarena, no estado do Pará.

A empresa também assinou um contrato para operar três terminais de granéis líquidos no porto do Itaqui, no estado do Maranhão, em agosto e espera iniciar operações focadas em combustíveis no início de 2022, antecipando a previsão inicial de iniciar operações em 2024.

O Tecon Santos movimentou 280.851 contêineres, um aumento de 30,7pc em relação ao ano anterior. O desempenho foi impulsionado principalmente pelas importações. Destaque para a reposição de estoques industriais, especialmente nos setores automotivo, químico, farmacêutico e de bens de consumo. O volume total de exportação de contêineres cheios no terminal cresceu em 40,9pc.

O Tecon Imbituba movimentou 11.319 contêineres, uma queda de 13pc em comparação com o terceiro trimestre de 2020, impulsionada por uma diminuição no fluxo de cabotagem do terminal.

O Tecon Vila do Conde totalizou 29.278 contêineres movimentados, um aumento de 11,1pc em relação ao terceiro trimestre de 2020. O resultado foi impulsionado pelo desempenho nas exportações, especialmente de minérios, como o manganês, e de carne.

A Santos Brasil também possui um terminal exclusivo para movimentação de veículos, o TEV, localizado no porto de Santos; e um terminal que movimenta carga geral, o TCG Imbituba, localizado no porto de Imbituba.

Possui também dois centros logísticos industriais nas cidades de Santos e Guarujá, e dois centros de distribuição, na cidade de São Bernardo do Campo, todos no estado de São Paulo. A Santos Brasil também tem sua própria frota de transporte rodoviário.

No período entre julho e setembro, a receita líquida da Santos Brasil totalizou R$396,6 milhões, um aumento de 80pc em relação ao terceiro trimestre de 2020. O lucro do terceiro trimestre foi de R$ 66,6 milhões, comparado com um prejuízo de R$ 5,4 milhões no mesmo trimestre em 2020.

Voltar ao Topo