Petróleo

Mercado Internacional do Petróleo poderá ficar desabastecido

Mercado Internacional do Petróleo poderá ficar desabastecido

O mercado Internacional do Petróleo vai mudar a partir desta quarta-feira (01) por conta da decisão do governo americano na imposição de sanções econômicas aos países, mesmo aliados, que continuarem a comprar o petróleo iraniano.  Por determinação da Casa Branca não haverá mais isenções às economias que importam o produto.

Os países que não seguirem a recomendação receberão eventuais sanções, determinada por Washington. Tais decisões têm como objetivo a fragilização do mercado de petróleo iraniano. O presidente dos Estados Unidos, Trump, espera que a Arábia Saudita e o Golfo Pérsico alavanquem a produção do petróleo, como forma de compensar o corte de fornecimento dos iranianos.

Vendo toda movimentação no mercado do petróleo a Rússia decidiu reagir. Segundo o Presidente Vladimir Putin, ele não se encontra ciente em relação a eventual intenção da Arábia Saudita em elevar a produção. Ele lembrou o acordo vigente pela OPEP de redução da produção mundial, estará em vigor até o fim de junho.

 “Não recebemos nenhuma informação de nossos parceiros sauditas ou de qualquer outra pessoa, qualquer membro da OPEP, indicando que eles estão prontos para sair dos acordos”, disse  Putin, ao ser questionado sobre a produção saudita.

Analistas temem que as sanções americanas  ao petróleo iraniano, juntamente com embargos à produção venezuelana, o mercado mundial poderá deixar de ser abastecido de forma suficiente.

Voltar ao Topo