Óleo e Gás

Mercado em alta gera boas oportunidades para o técnico em segurança do trabalho

Segundo a Organização Internacional do Trabalho(OIT), ocorrem 2,34 milhões de acidentes mortais de trabalho a cada ano no mundo, mas somente 321 mil se devem a acidentes. As 2,02 milhões de mortes restantes são causadas por tipos diversos de enfermidades relacionadas com o trabalho. Um dado alarmante é que o Brasil ocupa a quarta posição no ranking mundial de mortes relacionadas a acidentes de trabalho, com 2.503 óbitos.

Nesse cenário, o profissional especializado é de fundamental importância para as organizações e tem sido cada vez mais buscado pelas empresas. A implantação de práticas seguras no trabalho tem crescido dia após dia. O setor corporativo tem investido fortemente nesse campo, pois está ficando cada vez mais ciente dos danos irreversíveis que a falta de uma boa estrutura de trabalho pode causar.

Evitar que acidentes aconteçam e que doenças ocupacionais surjam é o ponto alto da segurança do trabalho. No entanto, as medidas de segurança não só evitam acidentes como colaboram para a realização de um trabalho mais organizado e produtivo, uma vez que, quando implementadas, ajudam a compor um ambiente mais agradável aos funcionários, o que reflete diretamente na execução das atividades.

“Todas as empresas devem seguir as normas da ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas – no que diz respeito à segurança no espaço corporativo, e cada estabelecimento possui suas próprias especificações, que são designadas por um profissional de Segurança do Trabalho”, explica Anderson Braga, sócio mantenedor do CETTPS, localizado em Camaçari.

Com as empresas cada vez mais preocupadas em garantir um local de trabalho livre de riscos, as possibilidades de trabalho para profissionais dessa área têm crescido consideravelmente.

Quem se interessar pela área, o CETTPS está com matrículas abertas para o curso, para o primeiro semestre de 2016. Para ter mais informações sobre o curso, basta acessar o site www.cettps.com.br.

Voltar ao Topo