Economia

Mercado de perfuração deve atingir o menor valor em 20 anos, Diz Rystad

Uma análise feita Rystad Energy aponta que o número de poços perfurados globalmente deve atingir cerca de 55.350 este ano, o menor desde o início do século. 

O enfraquecimento é uma queda impressionante de 23% em relação ao número de 71.946 poços de 2019, a previsão de Rystad, é que se estenda até 2025, não considera provável que o número do ano passado seja atingido ou excedido dentro do prazo considerado.

A estimativa é que os poços perfurados se recuperem parcialmente para pouco mais de 61.000 em 2021, à medida que os governos diminuem as restrições de viagens, aumentando a demanda e os preços do petróleo, após isso os números irão subir para 65.000 em 2022 e permanecerá abaixo de 69.000 até o final de 2025.

Embora seja possível uma recuperação simples em 2020, a atividade de perfuração permanecerá mais de 50% abaixo dos níveis observados na mesma época do ano passado, de acordo com a Rystad.

“Tanto os novos poços quanto os comprimentos de perfuração serão reduzidos à medida que os investimentos da E&P diminuem, afetando toda a cadeia de suprimentos associada a esses serviços. Isso inclui ferramentas de perfuração, que diminuirão 35% em 2020 em comparação a 2019”, diz Reza Hassan Kazmi, analista de serviços de energia da Rystad Energy.

Voltar ao Topo