Obras

Licença de operação da Vale é suspensa em Brumadinho

As consequências do desastre em Brumadinho após o colapso da barragem de rejeitos da Vale. 

A cidade de Brumadinho, na província de Minas Gerais, no Brasil, suspendeu a licença de operação da Vale depois que os agentes de saúde disseram que as atividades no local da empresa “não respeitavam as regras de isolamento social”.

Em comunicado à imprensa, o prefeito de Brumadinho, Avimar de Melo Barcelos, também ordenou a suspensão das atividades dos empreiteiros da Vale.

O município também interrompeu as obras de reparo da barragem de rejeitos da mina Córrego do Feijão, que desabou no ano passado, matando 270 pessoas .

Somente atividades administrativas e legais relacionadas à assistência a moradores afetados pela ruptura da barragem podem operar, decretou a cidade, por preocupações de que os trabalhadores pudessem ser expostos à covid-19.

A cidade não informou quanto tempo as operações da Vale permanecerão suspensas.

Segundo o município, há 13 casos confirmados de covid-19 na cidade e outros 250 sendo investigados.

A Vale não respondeu aos pedidos de comentários sobre a decisão.

Voltar ao Topo