Notícias

Legisladores mineiros resolvem impasse sobre fundos da Vale

vale

O impasse entre os legisladores e o estado de Minas Gerais quanto ao uso da indenização a ser paga pela mineradora Vale pelo desastre da barragem de minério de ferro de Brumadinho está resolvido.

No início deste ano, a Vale chegou a um acordo com um tribunal e o governo estadual para pagar R $ 37,7 bilhões (US $ 7,2 bilhões) pelo incidente fatal.

O governador  Romeu Zema  planejava colocar 11 bilhões de reais do montante no orçamento do estado para projetos de infraestrutura, mas os legisladores locais aprovaram esta semana uma moção atribuindo 1,5 bilhão de reais dos 11 bilhões às prefeituras.

Com a iniciativa de obrigar o governo estadual a enviar R $ 1,5 bilhão para 853 municípios, os legisladores consideram o impasse resolvido.

Zema está planejando usar a maior parte dos fundos para novos projetos nas vésperas das eleições do próximo ano. As relações entre os legisladores da oposição e o governo estão mais tensas quando Zema anunciou uma candidatura à reeleição que poderia se beneficiar com os gastos com infraestrutura. As eleições para presidente e governadores de estados do Brasil ocorrerão em outubro de 2022.

Voltar ao Topo