Construção

Investimento histórico: grupo alemão vai aplicar 25 milhões de dólares em unidade de Jundiaí

A Lindal do Brasil, empresa do Lindal Group, iniciou suas obras nesta terça-feira (4) em Jundiaí, em uma breve solenidade com a presença do prefeito Luiz Fernando Machado e representantes da empresa alemã.

Até 2021, serão investidos 25 milhões de dólares na unidade que está sendo construída. As obras devem ficar prontas dentro de um ano e a nova planta deve empregar cerca de 130 pessoas.

Na cerimônia desta terça, François-Xavier Gilbert e Manfred Schnor, respectivamente CEO e CFO da empresa, líder mundial no desenvolvimento e fabricação de válvulas e atuadores de aerossóis para pulverização de produtos, marcaram presença no canteiro de obras.

“Este é o maior investimento do grupo Lindal em seus 60 anos de história, e agradecemos à cidade de Jundiaí, e à equipe da administração municipal, por terem nos apoiado”, afirmou François-Xavier Gilbert. “Isto está sendo feito porque acreditamos no potencial de crescimento do País”.

Luiz Fernando Machado destacou que Jundiaí tem mais de 1.300 empresas, sendo 162 multinacionais. “É uma felicidade receber a Lindal, que muito irá agregar ao desenvolvimento econômico do município”, afirmou. “Costumo dizer que a melhor forma de distribuição de renda é a geração de empregos, por isso somos gratos por fazer parte dessa história”.

O diretor geral da Lindal do Brasil, Moacir Camargo, explicou os motivos da escolha. “Jundiaí dispõe de mão de obra, localização privilegiada e boa infraestrutura, motivos que nos fizeram decidir pela instalação no município”.

A cerimônia foi encerrada com o plantio simbólico de duas mudas de pau-brasil e uma foto dos participantes, que incluiu o prefeito, representantes da Lindal e integrantes da administração municipal.

Também estiveram presentes o gestor da Casa Civil, Gustavo Maryssael de Campos, e os diretores das unidades de Gestão e Finanças, Daniele Ruiz, e de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Julio Cesar Durante e Gilson Pichioli.

Voltar ao Topo