Benefícios

INSS: Drive-Thru chega em cidades do Sul e Nordeste, Confira

Depois de lançar o serviço de entrega expressa de documentos nas agências da Previdência em São Paulo, no início de julho, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), ampliou a experiência-piloto para algumas cidades das regiões Sul e Nordeste do país.

Segundo o órgão, a expectativa é que o “drive thru” chegue também aos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais em breve.

A chamada Exigência Expressa foi regulamentada em portaria publicada nesta segunda-feira (10), e será implantada em todo o país, para que os segurados entreguem a documentação que falta para concluir a análise de seus requerimentos.

O procedimento pode ser feito pelo aplicativo ou site do Meu INSS, mas a medida é uma alternativa para a população que não tem acesso aos meios digitais.

De acordo com o INSS, existem atualmente 861 mil requerimentos em exigência, ou seja, que já passaram pela análise do instituto e, agora, dependem de alguma ação por parte do segurado, como apresentação de documentos complementares.

A Exigência Expressa já está disponível em 803 municípios, sendo 215 em São Paulo, 158 no Sul e 430 no Nordeste, nas regiões Sul e Nordeste, o serviço está ativo em 588 cidades, incluindo 11 capitais: Aracaju (SE), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), João Pessoa (PB), Maceió (AL), Natal (RN), Recife (PE), Salvador (BA), São Luís (MA) e Teresina (PI).

O serviço chegou ainda a cidades como Campina Grande (PB), Caruaru (PE), Cascavel (PR), Caucaia (CE), Caxias do Sul (RS), Joinville (SC), Londrina (PR), Maringá (PR), Mossoró (RN), Pelotas (RS), Petrolina (PE), Ponta Grossa (PR) e Vitória da Conquista (BA).

Como entregar os documentos no “drive-thru”

1) Para assegurar a entrega dos documentos, é preciso fazer agendamento pelo telefone 135 ou no site Meu INSS, tendo em mãos o número do protocolo do benefício em análise, nome e CPF da pessoa que efetivamente depositará o envelope na urna.

2) Ao agendar o serviço de Exigência Expressa, o usuário será orientado a proceder da seguinte forma na entrega: preencher e assinar o formulário de “Autodeclaração de Autenticidade e Veracidade das Informações” e inserí-lo em um envelope lacrado juntamente com a cópia do seu RG e as cópias simples dos documentos apontados na exigência, O envelope deverá ser identificado pelo lado de fora com os seguintes dados: nome completo; CPF; endereço completo; telefone (mesmo que para recado); e-mail, se tiver; e número do protocolo do agendamento da Exigência Expressa.

Atenção: não serão aceitos os documentos originais, somente as cópias, que não precisam ser autenticadas em cartório. É imprescindível, porém, que estejam legíveis e sem rasuras.

A autenticação só é obrigatória quando se exige do segurado que apresente procuração para fins de recebimento de benefício.

3) A urna para entrega dos documentos fica disponível de segunda a sexta-feira, das 7h às 13h, do lado de fora das agências e sem contato físico com os servidores.

4) Os papéis depositados na urna são escaneados e inseridos em sistema, para que os servidores do INSS possam dar continuidade ao processo. O andamento pode ser acompanhado pelo Meu INSS ou pelo telefone 135.

Fonte: Jornal Extra

Voltar ao Topo