Benefícios

INSS: Confira o tempo médio para agendamento de perícia

Quase um mês após a reabertura de algumas instituições do  Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), o tempo médio para obtenção de perícia médica era de 12 dias.

Atualmente, existem 325 filiais que podem fornecer assistência especializada no local, de acordo com a Secretaria Especial de Previdência Social e Trabalho, esse número vai aumentar de acordo com o levantamento do cronograma do instituto.

Até agora, 26% dos 3.500 especialistas médicos federais ativos voltaram ao local, a secretaria explicou que, de acordo com as normas estabelecidas pela regulamentação federal, quase 40% das pessoas atendiam ao requisito de permanência e trabalho remoto, outros são especialistas em agentes que não conseguiram retomar os serviços presenciais.

As agências começaram a reabrir gradativamente em 14 de setembro, mas especialistas voltaram após 25 de setembro, após um impasse com a ANMP (Associação Nacional de Peritos Médicos Federais) que questionou as medidas de segurança contra a COVID-19.

A Secretaria informou que, desde o retorno do laudo pericial, foi solicitada a indicação de 162.253 pessoas, e se prevê capacitar 65.270 pessoas nos próximos dias.

“Com medidas para intensificar a reabertura das agências e aumentar o número de peritos em atendimento, a expectativa é de que até dezembro o número chegue a mais 1.800 peritos, com capacidade de trabalho de cerca de 400 mil perícias mensais, o que é suficiente para atender a demanda”, afirma a secretaria em nota.

Voltar ao Topo