Economia

Índice de atividade econômica IBC-Br do Brasil cresce 2,15% em julho, Diz Banco Central

A atividade econômica no Brasil cresceu 2,15% com ajuste sazonal em julho, mostrou o Índice do banco central na segunda-feira (14), menos do que 3,4% previstos.

O índice de atividade econômica IBC-Br do banco central, indicador antecedente do Produto Interno Bruto (PIB), recuou 4,9% na comparação com o mesmo mês do ano anterior e recuou 2,9% no acumulado em 12 meses, banco central disse.

Indíce do Teto de Gastos

O Brasil inevitavelmente quebrará sua regra de limite de gastos em algum momento, a menos que os gastos públicos obrigatórios vinculados à inflação e outras regras sejam desindexados, disse o ministro da Economia, Paulo Guedes, na segunda-feira (14).

Falando em evento online sobre reforma tributária promovido pela Confederação Nacional dos Municípios, Guedes também disse que gostaria idealmente de reduzir os impostos sobre bens e serviços para uma única arrecadação e reiterou sua visão de que os impostos sobre os dividendos vão aumentar e o imposto sobre as sociedades vai desça.

Guedes disse que os políticos devem mostrar “coragem” e repensar os orçamentos no futuro, decidindo por si mesmos onde melhor alocar recursos ao invés de ter o crescimento dos gastos públicos rigidamente vinculado à inflação e outras métricas.

Voltar ao Topo