Óleo e Gás

Golar Power diz ‘muito interessado’ no terminal de GNL no estado da Bahia

A empresa de gás natural liquefeito e energia Golar Power Ltd está competindo para arrendar da Petróleo Brasileiro SA um terminal de gás supergelado no estado da Bahia, no nordeste do Brasil, disse o diretor executivo da empresa na quinta-feira.

A Golar Power, uma joint venture entre a Golar LNG, listada em Nova York, e a firma norte-americana Stonepeak Infrastructure Partners , já operou no terminal e gostaria de desenvolver um projeto no local quando o Brasil abrir sua indústria de gás natural ao setor privado, O CEO Eduardo Antonello disse em um webinar.

A Golar Power está investindo em uma série de projetos no Brasil apostando no uso do GNL, até agora usado principalmente para geração de energia.

gás natural comprimido , que na forma líquida dispensa o transporte de dutos, pode vir a ser um substituto do diesel no Brasil, afirmou, entre outras aplicações.

Doze empresas, incluindo as sucursais brasileiras das principais petrolíferas Shell , Total e BP, estão competindo na licitação baiana organizada pela Petrobras , como é conhecida a estatal brasileira de petróleo.

A empresa está tentando reduzir sua participação na indústria de gás natural no Brasil, conforme acordado com o órgão antitruste conhecido como Cade.

O terminal, um píer tipo ilha, tem capacidade para processar 20 milhões de metros cúbicos por dia de GNL e está sendo arrendado com um duto de 45 quilômetros.

Voltar ao Topo