Energia

EDF vende 50% de participação em parques eólicos do Brasil

Omega Geração, empresa brasileira de energia renovável, fechou acordo para adquirir 50% dos parques eólicos da EDF Renewables, na Bahia

A Omega Geração, empresa paulista de energias renováveis ​​que investe exclusivamente nos setores eólico, hídrico e solar, anunciou no domingo, 23 de agosto, que assinou um acordo com a EDF Renewables. O negócio refere-se aos ativos da empresa francesa nos complexos Ventos da Bahia 1 e 2, com capacidade de 182,6 megawatts. 

Omega Geração anunciou em um comunicado que a compra foi de US $ 118 milhões, dos quais 55% (US $ 65 milhões) seriam pagos em dinheiro. Os US $ 53 milhões restantes seriam pagos por meio da transferência de dívidas de longo prazo.

Como parte do negócio, a Omega Geração tem a opção de comprar outros parques eólicos da EDF com mais 265 MW de capacidade. Tem até dezembro para fazer uma oferta. Nesse sentido, a empresa comentou por meio de seu sócio Omega Desenvolvimento que está “em negociações avançadas que podem levar à implantação de projetos eólicos de aproximadamente 200MW de capacidade”.

Omega está ativamente construindo seu portfólio de projetos eólicos no Brasil. Em julho, a empresa anunciou que havia adquirido fábricas no estado do Rio Grande do Sul com 582,2 MW de capacidade da Eletrobras. Esse negócio valia $ 267 milhões.

O portfólio eólico, hidrelétrico e solar da Omega Geração atualmente é de 1,19 gigawatts. Quando a participação dos novos parques eólicos da EDF Renewables for adicionada, a capacidade de geração da empresa será de quase 1,8 gigawatts.

Voltar ao Topo