Notícias

Decisão final de investimento para Bacalhau fase 1 no Brasil

Equinor , ExxonMobil , Petrogal Brasil e Pré-sal Petróleo SA, decidiram desenvolver a fase um do campo de Bacalhau na área do pré-sal em Santos.

O investimento é de aproximadamente 8 bilhões de dólares.

“Este é um dia emocionante. Bacalhau é o primeiro empreendimento greenfield de uma operadora internacional na área do pré-sal e criará grande valor para o Brasil, Equinor e parceiros. A boa cooperação com parceiros, autoridades brasileiras e fornecedores resultou em uma decisão de investimento para o campo de Bacalhau ”, disse Arne Sigve Nylund, vice-presidente executivo de Projetos, Perfuração e Aquisições da Equinor.

O plano de desenvolvimento foi aprovado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) em março de 2021.

“O Bacalhau é um passo importante para a concretização de nossa ambição estratégica de aprofundar nossa presença no Brasil. É também um projeto importante para o país, pois representa investimentos significativos, efeito cascata na cadeia de suprimentos e geração de empregos locais ”, afirma Veronica Coelho, gerente nacional da Equinor no Brasil.

O primeiro óleo está planejado para 2024. Devido à pandemia COVID-19 e às incertezas relacionadas, os planos do projeto podem ser ajustados em resposta às restrições de saúde e segurança.

O desenvolvimento consistirá em 19 poços submarinos ligados a uma unidade flutuante de produção, armazenamento e descarga (FPSO) localizada no campo. Este será um dos maiores FPSOs do Brasil, com capacidade de produção de 220 mil barris por dia e dois milhões de barris de armazenamento. O óleo estabilizado será escoado para navios aliviadores e o gás da Fase 1 será reinjetado no reservatório.

O contratante do FPSO irá operar o FPSO durante o primeiro ano. Posteriormente, a Equinor planeja operar as instalações até o final do período de licença.

PRINCIPAIS CONTRATOS ADJUDICADOS

Front End Engineering and Design (FEED) e contratos de engenharia, aquisição, construção e instalação (EPCI): Subsea Integration Alliance (formada por Subsea7 e OneSubsea):

MODEC Inc para contratos de FPSO (Floating Production, Storage and Offloading).

Contratos de unidade móvel de perfuração: Seadrill Management S PTE Ltd, navio sonda West Saturn

Contratos de Perfuração e Serviços de Poços: Baker Hughes do Brasil, Halliburton Produtos, Schlumberger Serviços de Petróleo.

Voltar ao Topo