Benefícios

Décimo terceiro do bolsa família, confira o valor a ser pago pelo governo

Curioso para saber qual será o valor final do decimo terceiro do bolsa família? Logo, esse dinheiro será muito bem vindo em meio a esse cenário de pandemia ao qual todo o Brasil viveu, melhorando as festas de fim de ano.

Mas antes de qualquer coisa, devemos entender o que seria esse decimo terceiro salário do bolsa família. A princípio, o mesmo, trata-se de uma medida da união federativa, para auxiliar nesse momento de crise as famílias mais carentes.

O mesmo vem em uma época que contempla o fim de ano, onde festas comemorativas são datas. Em resumo, teremos o ano novo e também o natal transcorrendo nesse período, de modo que o dinheiro, garantia uma boa ceia a todos.

Chamado também de abono natalino o mesmo teve à medida que garantia esse pagamento, cancelada ainda no mês três desse ano. A princípio, não garantias definidas em lei que o mesmo será pago.

Contudo, o presidente Jair Bolsonaro, garantiu que haverá sim uma surpresa, referente aos pagamentos do bolsa família em dezembro. Dessa maneira animando o povo em relação as expectativas quanto ao recebimento do decimo terceiro salário.

Esse em tese deve ser cerca de duas vezes o valor original da parcela recebida pelo beneficiário. Sendo que, deve ser pago em uma única parcela no mês de dezembro, a todos que já contemplam por um período o bolsa família.

Quanto cada beneficiário deve pegar no décimo terceiro salário do bolsa família?

Seguindo a política do bolsa família, o decimo terceiro salário não é diferente dos demais pagamentos. Sendo que, o mesmo considera o salário individual para cada beneficiário.

Queremos dizer então, que o décimo terceiro será pargo de maneira especifica para casa pessoa. Assim, cada um deve receber o equivalente a duas parcelas das quais já vem recebendo mensamente.

Sendo um exemplo, uma família que recebe R$ 100 reais, no decimo terceiro, pegaria então como valor de saque nada menos que R$ 200 reais.

Não é necessário solicitar ao governo o decimo terceiro, ele cairá automaticamente na conta dos beneficiários. Em suma, basta apenas ir realizar o saque na data prevista pelo NIS.

A grande questão desse ano atípico, corre em torno do auxilio emergencial, pode ser que o decimo terceiro seja pago como uma parcela emergencial. A princípio, essa possibilidade pode ser uma vantagem, referente a dois grandes pontos.

O primeiro é que o valor de pagamento seria cerca de até 3 vezes, mais que o valor esperado pelo decimo terceiro com base no teto do bolsa família. Portanto, sendo muito mais vantajoso para as famílias carentes do bolsa família.

Em segundo lugar, uma parcela de decimo terceiro em formato de auxilio emergencial, seria válida para um público muito maior. Sendo que, assim, mais famílias teriam um fim de ano farto e digno dentro do Brasil.

Mas até o momento, nada está definido e tudo pode acontecer. Dessa maneira, a decisão está na mão do congresso nacional e do presidente Jair Bolsonaro.

Como saber quem terá direito ao decimo terceiro do bolsa família?

Uma curiosidade do programa é que nem todos os que recebem o bolsa, vão poder requerer esse decimo terceiro salário. A priori, existe critérios que devem ser seguidos para que a pessoa seja eletiva a esse dinheiro extra.

Sendo o principal, já fazer parte do programa do bolsa família, estando devidamente cadastro. Todavia, considera-se nesse ponto que todos os dados estão atualizados no cadastro único da cidade.

Pois, caso contrário, é possível que ocorra o não pagamento por inconclusão de informações pessoais. De modo que, aconselhamos que todos verifiquem a situação dos seus dados, que devem estar sempre em dia.

Outra questão, sendo essa a definitiva para receber o decimo terceiro salário do bolsa família. Logo, é que o beneficiário esteja recebendo o bolsa, a pelo menos cinco meses, o que daria cerca de 5 parcelas pagas.

Caso você não tenha ainda completado até dezembro, cinco parcelas, provavelmente não irá receber o decimo terceiro salário do bolsa família. Porém, tudo irá depender de como será feito esse pagamento, pois estamos em um ano atípico.

Sendo assim, muitas coisas e regras podem mudar, aconselhamos que você fique atento, no site oficial do governo federal.

Voltar ao Topo