Notícias

Com variante da Covid-19, Brasil deve restringir voos para a África

covid pandemia

É provável que o Brasil se junte a uma corrida para restringir as viagens aéreas da África do Sul e países vizinhos após a descoberta de uma variante Covid-19 mais virulenta lá.

A agência reguladora de saúde do Brasil, Anvisa, emitiu parecer técnico recomendando a restrição de voos e viajantes da África do Sul, Botswana, Eswatini, Lesoto, Namíbia e Zimbábue. A mudança ocorre menos de dois meses depois que o Brasil suspendeu as restrições aos voos da África do Sul.

O governo do Reino Unido proibiu voos a partir de hoje da África do Sul e cinco países vizinhos, enquanto a variante do coronavírus B.1.1.529 recém-detectada é investigada. A proibição de voos permanecerá em vigor até 28 de novembro, quando será reintroduzida a quarentena dos hotéis para chegadas dos seis países.

Cingapura está entre outros países que também impuseram restrições de voo na região.

A enxurrada de novas restrições aos voos derrubou os preços do petróleo e das ações das empresas internacionais de petróleo em resposta à perspectiva de menor demanda por petróleo antes da temporada de férias.

Voltar ao Topo