Empregos

Construção de casas populares em São Paulo gera mais de 5.000 vagas na Construção Civil

O Estado de São Paulo anunciou a construção de mais de 4000 casas para atender a população de baixa renda de 39 municípios. As obras devem gerar cerca de 5.200 empregos diretos para a construção civil.

A ordem para início dos serviços foi assinada hoje (quarta-feira, 23) no Palácio dos Bandeirantes por Geraldo Alckmin, atual governador do estado e Rodrigo Garcia, secretário de Habitação. De acordo com as informações do projeto, 18 mil pessoas terão suas necessidades atendidas com a entrega das moradias.

“É um duplo benefício, gera emprego na construção civil, que é o que o Brasil está precisando, segurar e gerar novos empregos, e fornece moradia para quem precisa. Como é ordem de serviço, já instala o canteiro de obras e já começa a construir as casas. São 5.200 empregos diretos para a construção civil”, disse o governador.

A construção se dará por meio do programa Parceria com Municípios: os conjuntos habitacionais serão erguidos nos terrenos doados pelas prefeituras, que ficam responsáveis pela licitação e administração das obras que serão feitas com repasse de recursos financeiros e supervisão da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano).

 

 

Voltar ao Topo