Construção

Construção Civil opera a todo vapor com 93% da capacidade produtiva

A Construção Civil se torna exemplo na  retomada das atividades produtivas do Brasil quando a curva de contaminação pelo Covid-19 diminuir.

O Ministro da Economia, Paulo Guedes,  informou juntamente com outros ministérios do governo federal, que o setor da construção civil é essencial para economia do país, e que não paralisou mesmo durante a pandemia, e é um modelo a ser seguido.

Ainda Segundo o Ministro, ao saber controlar o ritmo de operação dos canteiros de obras, a construção civil teve a menor taxa de contaminação em comparação ao volume de trabalhadores envolvidos.

“A construção civil soube se proteger, citando que o setor opera com 93% da capacidade produtiva. Os dados são da Câmara Brasileira da Indústria da Construção, a CBIC. “O setor soube proteger, testar, monitorar e tratar, reduzindo drasticamente os contágios”, Disse Paulo Guedes.

Desde o início da pandemia, o Brasil que teve 10 trabalhadores mortos pelo Covid-19, com 2 milhões de pessoas que atuam  na área de carteira assinada, e diretamente no setor.

O levantamento mostra que todas as obras de construção  das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste estão em andamento, e também na Região  Norte do país.

Na região nordeste, os únicos estados em que as obras estão paralisadas são Piauí e Sergipe.

No entanto, Alagoas, Rio Grande do Norte e Maranhão operam com 100% na construção civil, enquanto Bahia e Ceará retomaram as atividades no início  de junho.

Voltar ao Topo