Benefícios

Como saber se vou receber a sexta parcela do Auxílio Emergencial?

Com a situação atípica de 2020, muitos brasileiros contaram e contam com o Auxílio Emergencial, prestado pelo governo. A princípio ele teve até a sexta parcela no valor de R$ 600,00 reais, para todos os beneficiários.

Assim todos que se enquadraram dentro dos requisitos para adoção do benefício, receberam o valor final de R$ 600,00 nesse mês de setembro. Mas a dúvida que pairou no ar, foi que nem todos conseguiram receber o auxílio logo no início.

Assim muitas pessoas estão se questionando se vão ou não receber a sexta parcela do Auxílio Emergencial. De modo que a dos demais já foi corrigida para o valor atual, que conta metade do valor.

O governo de Jair Bolsonaro, muito debateu sobre essa questão, mas o que se tem definido é que aqueles que ainda tem dinheiro para receber. Assim sendo referente a períodos anteriores, vão sim receber, mas existe algumas regras e um calendário.

Além disso aqueles que já receberam todas as parcelas, vão contemplar a sexta em um valor de 300, 00 reais ou 600,00 no caso de mães chef de família. Assim cabe a todos que recebem acompanhar aas novidades oficias.
Portanto, vamos explicar como proceder e conseguir a sexta parcela do Auxílio emergencial. A baixo segue as orientações oficiais que devem ser vistas.

Passo a passo para conseguir a sexta parcela do auxílio Emergencial

Primeiro acompanhe o site oficial da caixa, lá você saberá a qual grupo pertence. De modo que duvidas podem ser sanadas através do suporte online, evite aglomerações em lojas físicas.

Para saber qual o dia que irá ter em mãos o benefício, basta acompanhar o calendário oficial. A principio todos os pagamentos serão realizados com base no número do NIS.

Assim segue abaixo as datas respectivas da sexta parcela do auxilio emergencial

– Receberão dia 17 de setembro – NIS Terminado em 1
– Receberão dia 18 de setembro – NIS Terminado em 2
– Receberão dia 21 de setembro – NIS Terminado em 3
– Receberão dia 22 de setembro – NIS Terminado em 4
– Receberão dia 23 de setembro – NIS Terminado em 5
– Receberão dia 24 de setembro – NIS Terminado em 6
– Receberão dia 25 de setembro – NIS Terminado em 7
– Receberão dia 28 de setembro – NIS Terminado em 8
– Receberão dia 29 de setembro – NIS Terminado em 9
– Receberão dia 30 de setembro – NIS Terminado em 0

Lembrando que não será possível receber a sexta parcela do Auxilio emergencial aqueles que estiverem dentro das seguintes situações.

Esteja sobre regime emprego formal ativo conquistado após o recebimento do auxílio emergencial;
Esteja recebendo qualquer tipo de benefício previdenciário ou assistencial. Como por exemplo o seguro-desemprego e o programa de transferência de renda federal. Sendo esses anexados como benefícios após as parcelas pagas do auxílio emergencial, a única exceção será o Programa do Bolsa Família.

Seja portador de uma renda familiar mensal acima de meio salário mínimo, por membro da família. Assim sendo, a renda familiar mensal total que ultrapassar três salários mínimos, perderá o benefício do Auxilio emergencial.

Voltar ao Topo