Política

Bolsonaro processa ministro do Supremo Tribunal Federal, aumentando disputa

O presidente, Jair Bolsonaro, disse na terça-feira que está processando um juiz da Suprema Corte, marcando o último episódio de um confronto contínuo entre o presidente e o tribunal que pode se espalhar para as próximas eleições presidenciais do país.

Bolsonaro entrou com ação contra o ministro Alexandre de Moraes por abuso de autoridade, citando supostos “ataques à democracia, desrespeito à Constituição e desrespeito a direitos e garantias fundamentais”, segundo mensagem de texto enviada a seus apoiadores que foi analisada pela Reuters após ser recebido de Ricardo Barros, que lidera o partido de Bolsonaro na Câmara dos Deputados.

Moraes é alvo frequente da ira de Bolsonaro por suas investigações sobre a suposta dispersão de notícias falsas do presidente e por anular uma série de decretos presidenciais.

Bolsonaro disse que seu processo foi apoiado pela investigação “injustificada” de Moraes sobre o papel do presidente no compartilhamento de desinformação, bem como uma investigação sobre as acusações de Bolsonaro contra o sistema de votação do país.

O presidente, que está concorrendo à reeleição nas eleições de outubro, repetidamente questionou a integridade da próxima votação.

A Suprema Corte e a Presidência não responderam a um pedido de comentário quando contatados pela Reuters.

Voltar ao Topo