Notícias

Bolsonaro busca opções para reduzir as taxas de energia no Brasil

O presidente Jair Bolsonaro está procurando maneiras de reduzir as contas de energia por meio de impostos federais e de um fundo do governo, informou o jornal Folha de S. Paulo nesta segunda-feira, após ter prometido no fim de semana intervir no setor.

Os planos de Bolsonaro para o setor de energia seguem sua decisão de substituir o CEO da petrolífera estatal Petróleo Brasileiro SA, conhecida como Petrobras, após ter aumentado os preços do diesel em 15% nas últimas semanas.

No sábado, o populista de direita lançou a alta dos preços como um ataque a ele e prometeu reverter a tendência ele mesmo.

“Assim como eu disse que eles queriam me derrubar na pandemia fechando toda a economia, agora eles decidiram atacar a energia mevia”, disse ele a seus apoiadores. “Vamos enfiar o dedo no setor elétrico, que é outro problema.”

A agência reguladora de energia Aneel estima que as tarifas vão subir 13% neste ano.

A Aneel, o Ministério de Energia e o palácio presidencial não responderam imediatamente aos pedidos de comentários.

O ex-presidente da empresa estatal de energia Centrais Eletricas Brasileiras SA, conhecida como Eletrobras, renunciou no mês passado citando obstáculos a uma proposta de privatização da empresa.

Voltar ao Topo