Economia

Auxílio Emergencial: Caixa não libera R$ 600 se cadastro estiver com erros

Parte dos trabalhadores que pediram o auxílio emergencial de R$ 600 ainda não sabe se receberá o dinheiro porque a Caixa diz que o cadastro foi preenchido com dados inconclusivos.

Parte dos trabalhadores que pediram o auxílio emergencial de R$ 600 ainda não sabe se receberá o dinheiro porque a Caixa diz que o cadastro foi preenchido com dados inconclusivos. Mas quem está nessa situação não tem como saber o motivo exato que levou o governo a segurar a resposta sobre o pedido.

Nesses casos, o aplicativo (disponível para Android e iOS)e o site da Caixa exibem uma mensagem dizendo que os dados são inconclusivos e que a “solicitação não pode ser analisada por um ou mais dos motivos abaixo”. Em seguida, há uma lista com cinco possíveis erros que podem ter acontecido no cadastro. A Caixa não especifica em qual dos cinco problemas se enquadra o caso do trabalhador.

A lista mostra as seguintes situações:

  • Você marcou que era chefe da família, mas não informou nenhum membro da sua família;
  • Você não possui informação de sexo masculino ou feminino nas bases de dados do Governo Federal;
  • Você informou alguma pessoa da sua família com informação incorreta de CPF e data de nascimento;
  • Houve divergência entre os membros da família que você e que outra pessoa da sua família informou;
  • Você informou alguma pessoa da sua família que possui indicativo de óbito em alguma base do Governo Federal.

Para quem tem dados inconclusivos, o aplicativo da Caixa sugere fazer um novo cadastro. Mas o trabalhador precisa fazer isso sem saber exatamente o erro que cometeu em seu primeiro cadastro, para então ficar atento e não errar de novo.

Voltar ao Topo