Energia

As perspectivas para o setor de energia do Brasil

O Brasil abriga uma grande quantidade de recursos energéticos, desde vastos campos de petróleo e gás offshore até a enorme capacidade renovável do país. No entanto, o desenvolvimento desse potencial ficou para trás, à medida que o país lentamente se recupera de uma profunda recessão econômica e escândalos de corrupção que começaram dentro da gigante de energia Petrobras. No entanto, o reposicionamento da estatal, que está cada vez mais focada em seu core business, e uma série de leilões de energia bem-sucedidos (principalmente de blocos do pré-sal) nos últimos dois anos sugerem que o setor energético será um fator crítico do crescimento econômico nos próximos anos sob a liderança da nova administração do presidente Jair Bolsonaro. 
No dia 7 de março, o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque , abrirá uma conferência sobre as perspectivas do setor de energia no Brasil no Wilson Center, durante sua primeira visita aos Estados Unidos como ministro. Um almirante de quatro estrelas, Albuquerque, será acompanhado por Decio Odonne , diretor-geral da ANP , que falará sobre o papel de sua agência reguladora. O evento proporcionará uma oportunidade para conversas entre uma ampla gama de interessados, incluindo empresas brasileiras e internacionais investidas no desenvolvimento de um mercado de energia aberto, competitivo e eficiente, enquanto o Brasil se prepara para se tornar um dos maiores produtores globais de petróleo e gás. também investindo cada vez mais em renováveis.
Voltar ao Topo