Política

Aliados de Bolsonaro devem ganhar o controle do Congresso brasileiro

Apesar de uma recessão profunda e do segundo surto de COVID-19 mais letal do mundo, os candidatos apoiados pelo presidente de direita Jair Bolsonaro devem ganhar o controle do Congresso no mês que vem, disseram políticos e analistas na segunda-feira.

Bolsonaro apóia abertamente o deputado de centro-direita Arthur Lira para presidente da Câmara contra a centrista Baleia Rossi, que conta com o apoio do atual presidente do parlamento Rodrigo Maia e parlamentares que mantêm distância do presidente.

Lira, que se declarou fiscalmente conservador em uma troca por escrito com a Reuters, tem mais do que a maioria de 257 votos necessária, de acordo com a consultoria de risco Arko. Isso significa uma batalha difícil para Rossi e os partidos de esquerda que ele está cortejando, que favorecem mais ajuda aos brasileiros de baixa renda atingidos pela pandemia.

Com mais de 8,5 milhões de casos confirmados de COVID-19 e mais de 209.000 mortes – perdendo apenas para os Estados Unidos – a segunda onda de surto no Brasil provavelmente aumentará a pressão sobre o governo para gastar mais, aumentando seu enorme déficit orçamentário.

Voltar ao Topo