Economia

Agropecuária cresce 21% em portos brasileiros

Agronegócio

A participação dos produtos agrícolas na economia brasileira e no transbordo nos portos brasileiros aumentou mais de 16% apenas em 2019 e aumentou para 21% neste ano, em contrapartida aos esforços para enfrentar a pandemia COVID-19.

Os dados mostram que, até outubro, a circulação de produtos agrícolas nos portos brasileiros ultrapassou 170 toneladas, o que tem promovido o crescimento econômico.

No mesmo período, o volume de transporte de cargas dos portos brasileiros ultrapassou 80 milhões de toneladas, segundo pesquisa da Agência Nacional de Transportes Aquaviários da Antak, esse número é de cerca de 3,7, superior ao recorde de 2019 no mesmo período.

O Brasil possui mais de 30 portos públicos e mais de 140 terminais de uso privado (TUP), que são responsáveis ​​por movimentar mais de 80% do consumo do país por mar e água todos os dias, do total de transportes, cerca de 65,5% ocorre em TUP, enquanto 34,5% ocorre em portos organizados.

Os dados do boletim de logística mostram o impacto dos produtos agrícolas nas exportações brasileiras, a partir de outubro, o crescimento econômico do setor agropecuário superou as expectativas, com saldo comercial de aproximadamente US $ 75 bilhões: dos quais as exportações foram de US $ 85 bilhões e as importações de US $ 10,4 bilhões.

Segundo dados do Ministério da Economia, as exportações brasileiras no mês passado foram da ordem de US $ 210,7 bilhões, pois a participação do agronegócio pode chegar a metade desse total, durante esta pandemia, o setor agrícola é o único setor de crescimento ativo na economia brasileira.

Voltar ao Topo