Notícias

Ações da Petrobras aumentam 8,5% com pagamento antecipado de dividendos

petrobras

As ações preferenciais da estatal brasileira de petróleo, Petróleo Brasileiro SA (PETR4.SA) , foram 8,5% mais altas no pregão da manhã de quinta-feira em São Paulo, depois que a empresa anunciou o pagamento antecipado de dividendos e divulgou ganhos do segundo trimestre bem acima das estimativas dos analistas. 

A Petrobras, como a empresa é conhecida, planeja pagar dividendos antecipados em relação ao desempenho deste ano. Os dividendos devem sustentar as finanças do governo brasileiro, mas também foram bem recebidos pelos mercados porque estarão isentos de impostos.

Entre as propostas da reforma tributária brasileira está a tributação dos dividendos a partir do próximo ano.

O Credit Suisse elevou as ações preferenciais para ‘outperform’ e mudou seu preço-alvo para 42 reais para as ações negociadas no Brasil, com potencial de valorização de 60% e $ 15,50 para os ADRs. O Safra também elevou as ações.

Em nota a clientes, analistas de CS liderados por Regis Cardoso afirmam que agora a Petrobras está perto de reduzir sua dívida bruta para US $ 60 bilhões. O presidente-executivo da Petrobras, Joaquim Silva e Luna, confirmou durante teleconferência da empresa que essa meta será atingida ainda este ano.

“Isso significa que a empresa agora pode distribuir todo o caixa livre que gerar nos próximos trimestres”, escreveu Cardoso antes da teleconferência, acrescentando que os altos preços do brent beneficiam o fluxo de caixa da empresa.

O BTG Pactual classificou a Petrobras como neutra, afirmando que a empresa está colhendo os benefícios da execução da estratégia que definiu em 2016.

Executivos da Petrobras também disseram durante a teleconferência que contratou assessores para vender sua participação na petroquímica Braskem SA (BRKM5.SA) . O processo de venda do controle da Braskem está em andamento, com a Novonor, antes conhecida como Odebrecht, recebendo propostas para a empresa.

A Petrobras disse ainda que ganhou market share em combustíveis, segundo apresentação divulgada antes da conferência, e que suas refinarias alcançaram 84% do mercado interno de gasolina e 83% de diesel.

Voltar ao Topo